emt

Tratamento da depressão com estimulação magnética transcraniana

Por Dr. Michael Genovese, colaborador da In Public Safety
 

É importante saber que existem outras opções de tratamento disponíveis que podem ajudar a restaurar a saúde mental do paciente.
 

Tradicionalmente, a psicoterapia e medicação psicotrópica são as duas ferramentas mais usadas no arsenal de um terapeuta para tratar doenças mentais. Mas não há duas pessoas iguais, então o tratamento que funciona para uma pessoa pode não ser eficaz para outra.
 

Então, o que acontece quando o tratamento tradicional não funciona?
 

É importante saber que existem outras opções de tratamentos disponíveis que podem ajudar a restaurar a saúde mental do paciente. Pacientes com depressão, onde as modalidades tradicionais de tratamento não estão mais oferecendo alívio, podem ser bons candidatos a estimulação magnética transcraniana (EMT).
 

Tratamento com EMT
Pacientes que sofrem de depressão podem ser bons candidatos para a estimulação magnética transcraniana.
 

O que é Estimulação Magnética Transcraniana?

Em uma pessoa que sofre de depressão, certas áreas do cérebro encarregadas de regular o humor podem não estar funcionando adequadamente. A EMT é um procedimento não invasivo, ambulatorial, que utiliza um campo magnético pulsado para estimular essas áreas. A energia eletromagnética estimula os neurônios do cérebro a equilibrar a produção de três neurotransmissores que regulam o humor: serotonina, dopamina e a norepinefrina.
 

O paciente permanece acordado e alerta durante todo o procedimento. A EMT é livre de dor e inclui três etapas:

  1. Os pacientes ficam sentados confortavelmente em uma cadeira.
  2. Uma bobina magnética que fica dentro de um pequeno dispositivo curvado é fica encostado levemente na cabeça.
  3. O dispositivo produz a estimulação magnética focada em áreas específicas do cérebro.

Este tratamento aprovado pela FDA dura menos de 40 minutos, após o qual o paciente pode retomar suas atividades diárias normais imediatamente. A maioria dos pacientes realizam a terapia com EMT cinco vezes por semana, durante o período de quatro a seis semanas.
 

A EMT é um tratamento alternativo livre de drogas que proporciona alívio sem nenhum dos efeitos colaterais desconfortáveis que são comuns com medicamentos antidepressivos.
 

Dezenas de milhares de pessoas encontraram alívio dos sintomas de depressão desde que experimentaram a EMT e, no entanto, cientistas e profissionais da área médica ainda estão trabalhando para entender por que esse tratamento funciona.
 

O que se sabe, no entanto, é que a EMT é mais eficaz quando é usada como parte de um plano de tratamento abrangente que também inclui outros tipos de suporte.
 

Tradução livre e adaptação do texto original em inglês do site CorrectionsOne.com.
Publicado em 13 de dezembro de 2018.
 
 
 

4 Thoughts to “Tratamento da depressão com estimulação magnética transcraniana”

  1. Maria da Conceição Soares de Brito

    Tenho fibromialgia e tomo remédios fortes pra dores crônibus.
    Pode ser feito tratamento?

    Faz efeito pra fibromialgia?

    1. Roni Broder

      Olá Conceição
      A Estimulação Magnética Transcraniana é eficaz para o tratamento da fibromialgia. Essa condição clínica tem uma íntima relação com quadros depressivos e distúrbios do sono e os pacientes relatam melhora progressiva dos quadros dolorosos com a técnica.
      Por gentileza entre em contato com a Therezinha no tel. (11) 3255 7537 ou no WhatsApp (11) 97539 7150 para fazer agendamento. Se tiver mais dúvidas fale conosco por telefone ou email.
      Ficamos à disposição.

  2. Tiago

    Boa tarde, onde posso encontrar este tratamento no estado de São Paulo ?

    1. Roni Broder

      Olá Tiago
      O endereço do nosso centro é Rua Itambé, 341 casa 12 Higienópolis, São Paulo- Capital. Não dispomos informações de endereços de outros serviços.
      Se tiver interesse entre em contato com a secretária Therezinha no tel. (11) 3255 7537 ou no WhatsApp (11) 97539 7150 para fazer agendamento.
      Ficamos à disposição.

Deixe um Comentário